Re#196 Arthur Rimbaud – Minha Boemia | Poesia Francesa

Jean-Nicolas Arthur Rimbaud foi um poeta francês. Produziu suas obras mais famosas quando ainda era adolescente sendo descrito por Paul James, à época, como o poeta de língua francesa que soube desde a qualidade dos sentidos manifestar sua poesia e predileção pela linguagem humana. Nasceu em 1854 e faleceu em 1891.

 

►► Espalhe a semente da poesia. Seja publicado! Voe!

https://apoia.se/tomaaiumpoema

_________________________________

Arthur Rimbaud – Minha Boemia

 

Eu caminhava, as mãos soltas nos bolsos gastos;

O meu paletó não era bem o ideal;

Ia sob o céu, Musa! Teu amante leal;

Ah! E sonhava mil amores insensatos

 

Minha única calça tinha um largo furo.

Pequeno Polegar, eu tecia no percurso

Um rosário de rimas. A Grande Ursa,

O meu albergue, brilhava no céu escuro.

 

Sentado na sargeta, só, eu a ouvia

Nessa noite de setembro em que sentia

O odor das rosas, que vinho vigoroso!

 

Ali, entre inúmeros ombros fantásticos,

Rimava com a débil lira dos elásticos

De meus sapatos, e o coração doloroso!

 

Use #tomaaiumpoema

Siga @tomaaiumpoema

_________________________________

Poema: Minha Boemia

Poeta: Arthur Rimbaud

Tradução: Claudio Daniel

Voz: Jéssica Iancoski | @euiancoski


A poesia dominará o mundo!

Siga O Toma Aí Um Poema no Instagram

@tomaaiumpoema

Pela vida, nos ajude a espalhar mais poesia!

FAÇA UM PIX DE QUALQUER VALOR <3

[email protected]

ou CNPJ 33.066.546/0001-02

Até mesmo um real nos ajuda a manter o projeto

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.