5 Poemas de Ana Luzia Oliveira em ProfAna (Margem Edições)

Cinco Poemas de Ana Luzia Oliveira, publicados em ProfAna [pré-venda/ Margem Edições], para o Toma Aí um Poema.

>>> Apoie o Toma Aí Um Poema e cresça junto <3

Por um mundo com mais poesia!


5 Poemas de Ana Luzia Oliveira em ProfAna (Margem Edições)

Em pré-venda, no Site da Margem Edições. Publicado pela Margem Edições (@margem_edições); Edição: Íris Ladislau (@irisladislau); Ilustração da capa: Joyce Mirely (@ilustranjoy); Design: Ana C Dias (@anac.dr); Prefácio: Neysi Oliveira (@neysioliveira); e Orelha: Francine Cruz (@francinecruzescritora).

ProfAna

O sagrado está presente.

Rezo, peço, me oriento,

pauto minhas ações

no Amor que flui através de mim,

na intuição que me invade,

no amparo que sinto.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

O profano está presente.

Xingo, julgo, explodo,

comporto-me inapropriadamente,

na raiva que brota das entranhas,

na vaidade que me assola,

na beligerância que travo diariamente.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

A mulher está presente.

Desejo, sinto, choro,

não sei o que fazer,

na confusão de um coração

que ora se quebra, ora se abre,

no diálogo efervescente

de uma mente que não cala,

no corpo que se disponibiliza

para servir a um propósito maior

e que também deseja,

repudia ou embala o outro.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Sou verdade quando sagrada.

Sou verdade quando profana.

Sou verdade quando mulher.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Só não seria eu,

se não pudesse ser tudo.


⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Caixinha

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Linhas.

Preta,

branca,

coloridas.

Cordas, não.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Costuras,

bordados,

alinhavos,

tapeçaria.

Bainha, não.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Agulhas,

dedais,

almofadinhas,

passa-fio.

Alfinetes, não.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Tesouras?

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Tesouras, sim.

Tesouras, não.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Nada que encurte,

nada que espete,

nada que retalhe,

mas alguns laços…

alguns laços precisamos cortar.


Meu Amor, a Escrita

De todas as vezes que me perdi.

foi a escrita que me pegou pela mão 

e me trouxe de volta a mim mesma.

Ela já me trouxe de passados e de futuros

e deles também já me trouxe

lembranças e planos.

Seu passe livre na linha do meu tempo

me resgatou inúmeras vezes

de lugares de que eu precisava desapegar 

e de ilusões que jamais se realizariam.

Eu confio nesta bússola 

que já atravessou tantas tempestades, 

mesmo naquelas em que perdi o norte,

porque a escrita é aquela que me revela

ainda que eu não a revelasse a ninguém.


Magia Oculta

Os elementos se entrelaçam

na criação dos corpos,

na geração das ideias,

na formulação do mundo,

na vida,

nascedouro de tudo que há.

E em tudo aquilo que não há?

No que é apenas sugestão de ser,

de ter,

de existir,

de fazer?

Aquilo que se manuseia

entre os espaços negativos,

a história escrita nas entrelinhas,

as palavras que a boca cala,

o invisível que tudo que é visto tem?

Os elementos se espreitam,

deslizam,

se comunicam na surdina

de algo que sequer é,

mas ainda assim está lá.

Quem os vê?

Quem os toma?

Quem os equilibra

em mágica e sonhos

para que a nova realidade se dê?


Teoria das Cordas

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Em algum mundo,

foi a mulher

a primeira a andar na Lua

e lá, em vez de São Jorge,

encontrou a Senhora da Criação,

colorindo em flores

o branco chão.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Em algum mundo,

são as mulheres

que uivam pra lua cheia,

saciando cios,

celebrando ciclos,

matando a sua fome

de compreensão.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Em algum mundo,

nós vivemos livres

da violência

e da culpa que nos atribuem

pela simples natureza

de nascermos mulheres

em corpo,

em mente

e coração.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

E por que não aqui também?


A Poesia irá dominar o mundo!

Siga O Toma Aí Um Poema no Instagram

@tomaaiumpoema

Pela vida, nos ajude a espalhar mais poesia!

FAÇA UM PIX DE QUALQUER VALOR <3

[email protected]

Até mesmo um real nos ajuda a manter o projeto.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.