Re#148 Edgar Allan Poe – Só | Especial Halloween: Poetas Malditos

Edgar Allan Poe foi um autor, poeta, editor e crítico literário estadunidense, integrante do movimento romântico em seu país. Conhecido por suas histórias que envolvem o mistério e o macabro, Poe foi um dos primeiros escritores norte-americanos de contos e é, geralmente, considerado o inventor do gênero ficção policial, também recebendo crédito por sua contribuição ao emergente gênero de ficção científica. Nasceu em 1809 e faleceu em 1849.

 

►► Seja publicado! Ajude a poesia a se manter viva.

https://apoia.se/tomaaiumpoema

_________________________________

Edgar Allan Poe – Só

 

NÃO FUI, na infância, como os outros 

Edgar Allan Poe e nunca vi como outros viam. 

Minhas paixões eu não podia 

tirar de fonte igual à deles; 

e era outra a origem da tristeza, 

e era outro o canto, que acordava 

o coração para a alegria. 

Tudo o que amei, amei sózinho. 

Assim, na minha infância, na alba 

da tormentosa vida, ergueu-se, 

no bem, no mal, de cada abismo, 

a encadear-me, o meu mistério. 

Veio dos rios, veio da fonte, 

da rubra escarpa da montanha, 

do sol, que todo me envolvia 

em outonais clarões dourados; 

e dos relâmpagos vermelhos 

que o céu inteiro incendiavam; 

e do trovão, da tempestade, 

daquela nuvem que se alterava, 

só, no amplo azul do céu puríssimo, 

como um demônio, ante meus olhos.

 

Use #tomaaiumpoema

Siga @tomaaiumpoema

_________________________________

Poema:

Poeta: Edgar Allan Poe

Tradução: Oscar Mendes e Milton Amado

Voz: Jéssica Iancoski | @euiancoski


ATENÇÃO

Somos um projeto social.  Todo valor arrecadado é investido na literatura.

FAÇA UM PIX DE QUALQUER VALOR <3

tomaaiumpoema@gmail.com ou CNPJ 33.066.546/0001-02

Até mesmo um real ajuda a poesia a se manter viva!

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *