41 | Patrícia Galvão (Pagú) – Hoje me falaram em virtude | Poesia Brasileira

Patrícia Rehder Galvão, conhecida como Pagu, foi uma escritora, poetisa, diretora, tradutora, desenhista, cartunista, jornalista e militante da política brasileira. É um ícone do feminismo.  Viveu sob regras próprias e deixou como legado a ideia de que as mulheres podem, e devem, ser livres. Nasceu em São Paulo em 1910 e faleceu em 1962, aos 52 anos de câncer de pulmão.

 

►► Seja publicado! Ajude a poesia a se manter viva.

https://apoia.se/tomaaiumpoema

_________________________________

 Patrícia Galvão (Pagú) – Hoje me falaram em virtude

 

Tudo muito rito, muito rígido

Com coisinhas assim mais ou menos

Sentimentais.

 

Tranças faziam balanças

Nas grandes trepadeiras

Estávamos todos por conta de.

 

Nascinaturos espalhavam moedinhas

Evidentemente estavam brincando

Pois evidentemente, nos tempos atuais

Quem espalha moedas

Ou é louco, ou é porque

está brincando mesmo.

O que irritou foi o porquê.

 

 

Use #tomaaiumpoema

Siga @tomaaiumpoema

Poema: Hoje me falaram em virtude

Poeta: Patrícia Galvão (Pagú) 

Voz: Jéssica Iancoski


ATENÇÃO

Somos um projeto social.  Todo valor arrecadado é investido na literatura.

FAÇA UM PIX DE QUALQUER VALOR

[email protected] ou CNPJ 33.066.546/0001-02

Até mesmo um real ajuda a poesia a se manter viva!

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.